Sábado, 3 de Julho de 2004

JOÃO PESSOA (BRASIL) / onde o sol nasce primeira nas AMÉRICAS.

Pouco mais de quatro horas de vôo separam o Rio de Janeiro de João Pessoa. A mudança, no entanto, parece ser bem mais radical.

- João Pessoa tem tudo que um grande centro tem, mas numa aérea pequena - explica Elba Ramalho, uma das paraibanas mais ilustres.

Elba passou a juventude em Campina Grande, onde, segundo diz, está o "maior São João do mundo". Já o cantor e compositor Chico César, também natural do estado, aproveita as férias na Praia de Tabatinga. É lá que fica a Praia de Tambaba, procurada pelos amantes do naturismo.

Como as praias da Paraíba não se resumem em Tambaba, o visitante pode procurar as piscinas naturais de Picãozinho ou a tranqüilidade das águas de Coqueirinho ou de Areia Vermelha. Tudo isso feito, é claro, em passeios de bugre ou de barco.

- A melhor época para fazer um passeio de barco vai de 8 a 17 de fevereiro e, depois, do dia 23 até 3 de março - explica o barqueiro Adriano Guerra, apostando nos dias de lua cheia.

E ainda tem o carnaval dos blocos de Muriçocas, carne-de-sol na brasa e peixe de água doce na telha.

Durante um bom tempo, levar uma mochila nas costas para passar o dia sob o sol na Praia de Jacumã era felicidade suficiente para a adolescente Elba Maria Nunes Ramalho. Enquanto cursou faculdade, em Campina Grande, não só o São João, mas também a Semana da Cultura e a Semana do Violeiro eram eventos que ela não perdia. Hoje, voltar a Paraíba e rever os amigos é um hábito que a cantora de sucesso Elba Ramalho cultua ao menos duas vezes por ano. A empreitada não é tarefa fácil para Elba, que admite já não poder se divertir livremente pelo estado onde nasceu como fazia quando tinha 20 anos:

- Campina Grande tem o maior São João do mundo. É freqüentada por uma multidão e funciona bem para quem quer se divertir. Para mim é que não dá. Eu tento, boto peruca, mas quando me descobrem é sempre a maior confusão - confessa.

João Pessoa, a capital paraibana e a cidade mais arborizada da América, segundo a ONU, tem em Elba uma grande divulgadora: ela não se cansa de recomendar a cidade às amigas. Algumas, ela diz já ter convencido:

- João Pessoa é ótima para quem busca diversão alternativa. É uma cidade pequena com as facilidades de um grande centro. Com praias belíssimas, coqueiros e lugares exóticos, mistura tantos elementos positivos que resulta numa cidade onde se consegue ter paz de espírito. Tenho amigas modelos que acham a Paraíba muito atraente. Algumas ficaram freguesas e acharam a cidade muito divertida - diz.

Ao falar de seus passeios favoritos na capital, Elba cita Jacumã, à época um vilarejo de pescadores.

- A melhor dica para o verão na Paraíba é curtir as praias do litoral nos arredores da capital. Um passeio ótimo é pegar um barco e visitar as praias. Quando era mais jovem, eu botava a mochila nas costas e ia para Jacumã, uma praia linda a uns 15 minutos do Centro de João Pessoa. Era deserta, uma colônia de pescadores. A Ponta do Seixas, o lugar mais próximo do Oriente, também é outra atração importante. Sou fã do litoral de quilômetros de praias desertas da Paraíba.

Embora diga que sempre busca uma praia deserta para se acomodar, o ponto de parada de Elba em João Pessoa é na Praia de Tambaú, preferencialmente, numa confortável suíte do Hotel Tambaú, o melhor hotel da cidade. À noite, um passeio pela praia cura qualquer ressaca, diz Elba.

- Para quem estiver por ali à noite, recomendo tomar uma crista de galo (caldo de pirão amolecido) numa das barracas da praia. É um preparado bem forte, ótimo para curar a ressaca, servido até de madrugada. Minha mãe costumava preparar este caldo para mim.

Elba também não poupa elogios à comida típica, embora admita com sinceridade não ser uma grande consumidora:

- A comida paraibana é espetacular. Embora eu seja vegetariana há alguns anos, recomendo, sem restrições a carne-de-sol, um prato típico delicioso. A galinha de cabidela, lá chamada de capoeira, é outra delícia. O frango é diferente, criado com ração de milho. O cozido, embora seja um prato nacional, também é muito bem feito na Paraíba. E a farofa com feijão verde é ótima. Ah, não posso deixar de recomendar os frutos do mar. Os camarões e os caranguejos são sempre frescos.

Elba chama a atenção para duas outras coisas na capital paraibana: os bares com roda de violão "para quem quer ficar bem à vontade" e o Teatro Santa Roza, "lindo". As lembranças da terra, produzidas pelos mão hábeis dos artesãos, são encontradas nas feiras populares. Elba tem sua lista particular de artigos favoritos:

- Para compras de artesanato, recomendo as feiras populares. As ofertas para redes valem a pena. Há também os balaios, as rendas e as rapaduras, que são uma delícia.

Conterrâneos, visitantes ou fãs saudosos poderão ver Elba Ramalho ao vivo em João Pessoa em breve. Ela faz show dia 1º de fevereiro, ao lado de Belchior, no Centro Histórico da cidade. Segundo Elba, será uma apresentação beneficente em favor dos hospitais do estado. Até lá, Elba Ramalho se despede com uma observação carinhosa sobre o paraibano.

- O paraibano, como seus vizinhos do Nordeste, tem características marcantes: sente-se honrado em receber as pessoas. Isto faz bem ao visitante e é bom para o turismo. Um beijo para a Paraíba.

Chico César, outro pernambucano querido do público, veio, tal como Elba, do sertão para a capital. O músico morou em João Pessoa dos 16 aos 20 anos e volta freqüentemente à Paraíba para shows ou férias.

Chico César traz do sertão as melhores lembranças da infância, tomando banho de rio e de açude, mas, para as férias do turista, ele recomenda as águas salgadas do litoral.

- Passei as férias na Praia de Tabatinga, no município de Conde, que é uma região de belas praias, entre elas, Coqueirinho e Tambaba, a famosa praia de naturismo, que agora está mais democrática. O nu só é exigido numa parte da praia e durante os fins de semana e nos feriados. Assim, as pessoas ficam mais à vontade e vão tirando a roupa aos poucos. Eu fui vestido num dia e só no outro tirei a roupa - diz.

Para quem está de malas prontas, Chico César recomenda ainda o restaurante Sagarana e o Litoral Hotel, onde sempre escolhe o apartamento 208, que oferece uma vista lateral para a Praia de Tambaú.

Mais informações:
Atrações para não ver o tempo passar nas férias
Uma menina dos olhos bem sapeca
Tambaú, Manaíra e Cabo Branco, os principais pontos de hospedagem
Uma cidade com fama de ter mania de grandeza
Variedade de estilos é o ponto forte no cardápio dos restaurantes da capital
A vizinhança confirma: bela por fora, linda por dentro
publicado por ppesquisadora às 12:22
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. João Pessoa - Paraíba / B...

. Tinhinha --- A Surfista d...

. Paraíba ----Brasil (Bar...

. Paraíba ----Brasil (Bar...

. PRAIA DE NUDISMO - PARAIB...

. PRAIA DE TAMBABA ---Parai...

. João Pessoa / Praia dos...

. João Pessoa (Capital da...

. Burj Al Arab

. Hotel mais caro do mundo

.arquivos

. Janeiro 2008

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Julho 2005

. Abril 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds